Goiás já tem ofertas para mandar seus jogos fora de Goiânia durante o Brasileirão

Foto: Divulgação

Em entrevista para a Rádio Sagres 730, o vice-presidente Mauro Machado revelou que o Goiás recebeu proposta para mandar alguns jogos do Brasileirão fora de Goiânia. Principalmente, o dirigente explicou detalhes da posição do clube.

“A princípio o Goiás não pensa em vender os mandos de campo, mas precisamos de um estádio em condições de fazermos jogos grandes, por isso nossa preocupação (…) A nossa intenção é fazer os jogos em Goiânia de qualquer maneira. Nós queremos é ter condições de jogar em Goiânia, nós não vamos fazer isso com nossa torcida e nem com noso time também, porque para nós a questão técnica é muito importante. Você jogar aqui, vai jogar com a torcida do seu lado. Se a gente for jogar contra o Flamengo em Brasília, vamos jogar fora de casa mesmo que o mando seja nosso. Nossa ideia clara e evidente é jogar aqui em Goiânia e temos convicção que o Estado vai proporcionar isso e teremos um estádio apto para receber os jogos da Série A”, diz.

Questionado sobre o Serra Dourada, o dirigente explicou que uma das ideias é que o estádio passe por reformas para voltar a mandar os jogos do Goiás durante o Brasileirão: “Nós estamos dispostos a fazer esse investimento no Serra Dourada porque precisamos ter um um Serra melhor, mais confortável para jogarmos o Campeonato Brasileiro. A gente compreende as dificuldades da Secretaria (de Esportes) porque existem questões burocráticas no Estado que têm que ser respeitadas. Nossa preocupação é muito grande em relação a isso. Nossa preocupação é jogar aqui, para o nosso torcedor, porque nós precisamos do Serra Dourada em condições, já que os outros estádios ficam pequenos para o Goiás jogar a Série A”, destacou o vice-´residente do clube, Mauro Machado em entrevista à Sagres 730.

Por fim, o dirigente explicou os contatos que o clube recebeu para mandar os jogos fora de Goiânia: “Isso é uma coisa impensável, mas nós já tivemos vários contatos para o Goiás jogar fora de Goiânia. Claro que nós não queremos, por isso achamos que é urgente que a gente resolva essa questão. Mas estamos dispostos a ajudar o Estado nesta reforma do Serra Dourada para que a gente possa jogar lá, não queremos de forma nenhuma jogar fora de Goiânia”.

2 Comments

  1. Com absoluta certeza posso afirmar que essa conversa não passa de uma pressão no governo para que tomem logo uma decisão: – ou bancam a reforma do estádio ou entregam para o Goiás efetuar os reparos necessários e, descontem nas taxas cobradas por partida.
    A possibilidade do Goiás mandar seus jogos fora de Goiânia, é Zero.
    Somos um time grande, com numerosa torcida e um razoável cadastro de sócio torcedores. Todo esse povo, merece o devido respeito e consideração por parte da direção do clube.
    Como o governo passado quebrou o estado e esse se encontra impossibilitado de assumir esses reparos, a saída é entregar para o Goiás E.Clube.

  2. Avatar Capixaba esmeraldino disse:

    Aí acabou de vez… viramos time pequeno..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

slug; } $pageCategories = implode(',', $cats); } elseif (is_archive()) { $pageType = 'listing'; $cats = array(); foreach((get_the_category()) as $category) { $cats[] = $category->slug; } $pageCategories = implode(',', $cats); } ?>
error: Content is protected !!